Revista de Estudos Criminais

A Rebelião da Prisão de Attica (Nova Iorque, 1971): Opressão Racial, Encarceramento em Massa e os Deslocamentos da Retórica da Igualdade

The Attica Prison uprising (New York, 1971): racial oppression, mass incarceration and the rhetoric of equality displacements

Evandro Piza Duarte, Marcos Vinícius Lustosa Queiroz e Rafael de Deus Garcia.

Resumo: O presente artigo pretende compreender o fenômeno de encarceramento em massa dos Estados Unidos, iniciado a partir do início da década de 1970, por meio do filme “Attica – Against The Wall”, que retrata a rebelião dos presos desse estabelecimento penal por direitos e melhores condições de tratamento. Tendo esse episódio como ponto interpretativo da virada operada nas políticas social e criminal estadunidenses, buscar-se-á compreender quais discursos, ideias e práticas foram articulados para esvaziar a esfera pública dos movimentos reivindicatórios das décadas de 50 e 60 e justificar o crescimento exponencial do poder punitivo e da vigilância, bem como entender como o avanço do Estado penal age como dispositivo essencial para a não concretização da cidadania negra. Por fim, far-se-á aproximações entre a realidade dos Estados Unidos e a brasileira a partir desse episódio.

Palavras-chave: Racismo; sistema penal; Attica; encarceramento em massa; cidadania; neoliberalismo.

Abstract: Inspired on the film “Attica – Against The Wall”, which portrays the rebellion of Attica prisoners for rights and better treatment conditions, this article analyzes the phenomenon of mass incarceration in the United States, which started in the beginning of the 1970s. Considering this episode as an interpretive turning point in US social and criminal policies, we intend to identify which discourses, ideas and practices were articulated to neutralize the achievements of the social movements of the 1950s and 1960s. We proceed to identify how this counter movement justified the intense growth of surveillance and punitive power. We also aim to understand how the advancement of Law Enforcement works as an essential device for the non-achievement of black citizenship. Finally, by notable similarities, we made a comparison between the US and Brazilian realities.

Keywords: Racism; penal system; Attica; mass incarceration; citizenship; neoliberalism.

v.15, n.61, p.149-177